sexta-feira, 15 de abril de 2011

Hide.


Um dia li que o amor não acaba, ele apenas adormece. Se não despertar, continuará adormecido, mas nunca terá um fim. E hoje posso dizer com toda a certeza do mundo que concordo, apesar de não entender o por quê. Eu estou fugindo do que eu sinto por você, porque cansei de quebrar a cara demonstrando. Porém, não é verdade quando digo que você não passa de um idiota pra mim. Chega perto, mas não te esqueci completamente. Sei disso porque eu ainda sinto. Involuntariamente, mas sinto. E se eu tiver uma recaída, ele volta mais forte que antes. Mas não posso deixar que isso aconteça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário