segunda-feira, 5 de novembro de 2012

talvez seja cedo

eu sei que talvez seja cedo,
mas segura a minha mão
e não solta mais
eu sei que talvez seja cedo,
mas deixa eu me sentir segura
aninhada nos seus braços
eu sei que talvez seja cedo,
mas a gente sabe
que não é.

Nenhum comentário:

Postar um comentário